Projeto Formação Gesac

O Projeto Formação Gesac está inserido no programa de inclusão digital Gesac, desenvolvido pelo Ministério das Comunicações, que leva internet em banda larga a mais de 11 mil telecentros em todo o país.

Com duração inicial de um ano, o Projeto capacitará monitores e multiplicadores para a formação em 739 pontos previamente selecionados por não possuírem atendimento de formação em Tecnologia de Informação e Comunicação (TICs). O projeto beneficiará mais de duas mil pessoas em todo o país.

A rede educacional será formada por professores dos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia (IFs), alunos tutores, monitores e multiplicadores. Os Promotores de Inclusão Digital (PIDs) apoiarão a qualificação do uso dos Pontos Gesac, promoverão o desenvolvimento de projetos comunitários, fortalecerão as redes de conhecimento e subsidiarão a equipe de gestão do projeto.

O Projeto investe na utilização da tecnologia para a transformação social e por isso realizará, nas cinco regiões do país, um programa de formação voltado para a construção de alternativas reais de interação com autonomia nas redes digitais, de participação social e política das comunidades e sujeitos envolvidos.

A formação desenvolverá conteúdos gerais e específicos: Educomunicação, Educação e Cidadania, EAD, Software, Hardware e Redes. As temáticas serão abordadas visando a transversalidade da tecnologia com outras áreas: comunicação comunitária, conselho gestor, economia solidária, consciência ambiental, educação e cultura.

O Projeto Formação Gesac é desenvolvido pelo Ministério das Comunicações em parceria com o Ministério da Educação e com o CNPq.

Pontos Atendidos

O MC selecionou, para participação no Projeto Formação Gesac, os Pontos de Presença cuja Instituição Responsável (IR) não disponibiliza formação em Tecnologia de Informação e Comunicação.  A lista dos Pontos atendidos  poderá ser alterada durante a execução do Projeto, de acordo com os seguintes critérios:

– desativação do Ponto;

– provimento de formação em TICs pela IR;

– outras situações, conforme disponibilidade de recursos, que ficam sujeitas à avaliação do Ministério das Comunicações.

Por tratar-se de um projeto piloto, nesta fase incial que vai até maio de 2011, não haverá inscrições de Pontos para a partipação no Projeto.

Veja no link abaixo a lista dos Pontos que serão atendidos:

Pontos Atendidos

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: